lego fio cortado

Muitas vezes, por questões de tempo, agenda ou distância nós não podemos efetuar alguns serviços. Em casos assim eu sempre faço a recomendação, procure uma loja de sua confiança.

Em alguns casos, recomendei algumas lojas de SP pois, sempre confiei nos serviços prestados por elas.

É neste momento que começou alguns problemas.  Tive que parar com esta pratica.

 

Gambiarra

Aconteceu recentemente, cliente perguntou sobre um defeito, achei um pouco estranho e pedi a ele que fosse antes em uma loja de acessórios de confiança em seu bairro para analisar se o problema estava na instalação.

A central não ligava, mas ao remover o fusível e recoloca-lo a ela voltava a funcionar.

Vocês tem ideia do que o “profissional” fez? 

 

gambiarra instalador
Clique para Ampliar

 

Observem os círculos, o técnico cortou o fio amarelo que é o 12 volts direto da bateria e colocou no “pós chave” (Fio que fornece energia ao girar a chave e interrompe ao remove-la).




O que o problema pode causar? 

A central necessita de energia direto da bateria para alimentar sua memória, neste caso, como ele será interrompido toda vez que a chave do carro é desligada, a memória é perdida.

Outro problema é a sobre carga, este fio não foi dimensionado para suportar grandes correntes, com certeza, a longo prazo, este fio pode derreter ou causar queimas de fusíveis.

 

Qual é o real defeito?

Não sei, pedi ao cliente para trazer o aparelho aqui que analisarei em bancada. Tenho algumas suspeitas, mas quando solicitei a ida a uma loja foi para que eles fizessem uma verificação simples. Só isso.

Mas a ganância e a falta de profissionalismo trouxe mais problemas do que soluções.




O que fazer nestes casos? 

Se o cliente não tivesse a curiosidade de desmontar e ver o que tinha sido feito, nunca saberia. A recomendação foi.

Solicitar um novo chicote ou a reparação do danificado.

Pedir o Dinheiro de volta pois, nada foi feito além de uma gambiarra.

 

E se nós tivéssemos indicado a loja? 

Seria um problema e eu ficaria, literalmente com a cara no chão. É por este motivo que não gosto de fazer indicações. Tenho aqui uma lista de lojas que possuíam técnicos qualificados mas, eles trabalham ainda nestas empresas?

Não posso arriscar que meus clientes tenham problemas parecidos.

Não nego, já fiz adaptações mas sempre com responsabilidade, gambiarra é o termo que uso para adaptações sem nenhum compromisso e analise técnica.

 

Conclusão

Sei que é difícil, se eu não confio em muitas lojas como os clientes podem confiar? Principalmente aqueles sem conhecimentos mínimos. Tento formar uma lista confiável de lojistas mas, prefiro parar de indicar.

Converse com familiares, amigos e analise se compensa deixar seu carro nas mãos destas pessoas. Não esqueça que, técnicos ruins estão até em concessionárias.

Por que não indicamos Lojas? Mais uma Gambiarra
Avalie Este Post
Por favor Conecte para comentar
  Inscrição  
Notificação de