Olá a todos, esse post é dedicado aos profissionais de serviço e aos “técnicos” de plantão onde grande maioria tem a necessidade de mostrar conhecimento mas acaba atrapalhando o mercado.

Alguns meses atrás, minha maquina de lavar eu defeito, simplesmente parou de funcionar. Entrei em contato com um colega que me forneceu o manual técnico e após uma breve analise identifiquei o defeito em uma das placas, troquei o componente e voltou a funcionar.

Sobre esse mesmo caso, acabei pesquisando na internet e foi uma enxurrada de tutoriais explicando como se trocava a placa defeituosa. As informações eram tão detalhadas que julgo que, até minha esposa poderia troca-la sem nenhuma dificuldade, lógico que não paguei R$350 na Placa, consertei por menos de R$5,00.

 

O que estou tentando explicar?

Existe no mercado algumas pessoas que querem demonstrar conhecimento, acho isso super válido, mas a qual custo?

Não é de hoje que percebo que algumas profissões estão acabando e a culpa não é só do consumidor, mas também a postura dos “profissionais” da área. Na ânsia de angariar clientes fazem vídeos na internet em troca de likes mostrando como consertar produtos que antes, somente técnicos teriam esse conhecimento. Bom para o consumidor, certo? Errado. 

 

Base de conhecimento

Voltamos ao caso da lavadora, quando a fabrica não da o suporte necessário, o técnico descobre o defeito partindo da sua vivência no ramo que chamo de base de conhecimento.

Mesmo com experiência, muitas vezes, o diagnóstico é demorado e teve um investimento pesado.

Acredito que em toda faculdade e universidade relacionada a tecnologia já contaram a estória do profissional que sabe o parafuso certo de apertar, conhecimento gera custo e deve ser valorizado.

 

O conhecimento esta acabando

O que percebo é que a base esta acabando, isto é, verdadeiros técnicos estão cada vez mais escassos no mercado e chegará um dia que os produtos serão meramente descartáveis, mas não pela falta de conserto e sim por não haver ninguém capacitado a isso.

Percebo no meu ramo, não é somente um técnico procurando informações, são vários toda semana se passando por clientes tentando tirar algo ou alguma dica de conserto.

Hoje o que mais vejo são os trocadores de placas.

Não é incomum aparecer clientes com seus produtos sucateados por terem seguido tutoriais no Youtube ou em algum fórum miraculoso. Infelizmente não fazemos milagres.

 

Me deixou incomodado 

Acho que muita gente percebeu, isso me deixou bastante incomodado, não pelo fato de ter me atingido, pelo contrário, muitas vezes me ajuda e ganho mais dinheiro, mas pelo fato das pessoas terem conhecimento nas mãos e não dar o devido valor, isso me chateia.

O que me incomoda no mercado automotivo como um todo é isso, o conhecimento tem perdido espaço para os “compartilhadores” de plantão que tiveram acesso a algo e não sabem utiliza-lo da maneira correta.

 

Valorize o seu conhecimento

Você sabe por qual motivo a maioria dos engenheiros ou médicos ganham bons salários? Eles valorizam suas profissões, sabem o custo do estudo. Não só o custo financeiro, mas também as noites mal dormidas e grupos de estudo. A batalha para entender cálculos complexos ou a anatomia de um órgão.

Esse post se aplica a todos os profissionais de serviço, mecânicos (principalmente), técnicos formados ou não e qualquer outro tipo de profissional que pensa que esta conseguindo algo mas no fim, esta prejudicando o seu mercado de atuação, logo, perdendo dinheiro. 

Eu valorizo o meu, e você?

A necessidade de tentar mostrar conhecimento mas acaba atrapalhando o mercado
Avalie Este Post
Por favor Conecte para comentar
  Inscrição  
Notificação de